portuguêsdeutsch

Leitura com Luiz Ruffato

15 de novembro de 2012, 19:30 horas


© Adriana Vichi


© Assoziation A


zeppelinpoético

Literatura brasileira em Munique

 

Seidlvilla, Nicolaiplatz 1b,

Entrada 8 € / 10 €

Mediação e leitura do texto alemão: Michael Kegler

 

No âmbito do ciclo literário ZEPPELINpoético – literatura brasileira em Munique 

 

Em seu primeiro romance Eles eram muitos cavalos o escritor brasileiro Luiz Ruffato traça em 69 pequenos textos um retrato caleidoscópico da metrópole São Paulo, com todo seu brilho, miséria, hipocrisia e dor.

 

Luiz Ruffato não se passeia como flâneur pela metrópole brasileira, antes faz zapping entre as mais variadas cenas, em cortes rápidos as histórias correm como num filme. E no meio ao ruído geral fazem-se ouvir vozes individuais. As imagens urbanas revelam a história dum país marcado por violência e desenraizamento. Cada texto tem uma voz própria, um tom próprio, uma cor social específica. Com precisão quase paranoica Luiz Ruffato capta poeticamente os sons, os cheiros, as cores, as angústias da megalópole de 22 milhões de habitantes construindo assim o retrato perturbador duma sociedade fragmentada.

 

Um livro que lateja como o coração (Le Figaro Littéraire).

 

Luiz Ruffato nasceu em 1961 em Cataguases, Minas Gerais. Trabalhou como vendedor e mecânico e estudou jornalismo. O primeiro romance Eles eram muitos cavalos recebeu críticas entusiastas e o prémio Machado de Assis da Biblioteca Nacional do Brasil. Entre 2005 e 2011 Luiz Ruffato escreveu a série Inferno provisório em cinco volumes (a partir de 2013 em alemão com o título Provisorische Hölle a publicar na Editora Assoziation A). O escritor vive em São Paulo.

 

O tradutor Michael Kegler nasceu em 1967 em Gießen e passou uma parte da infância na Libéria e no Brasil. É jornalista e livreiro e, desde os finais dos anos 90 traduz do português.

 

Organizado por: LUSOFONIA e.V., Editora Assoziation A, com o apoio do departamento de cultura da cidade de Munique

LH München Kulturreferat

e do Ministério da Cultura do Brasil / Fundação Biblioteca Nacional

 

 

Luiz Ruffato Es waren viele Pferde  

Traduzido por Michael Kegler

Assoziation A, Hamburgo/Berlim, publicado em outubro de 2012