portuguêsdeutsch

Salão Etapa Futuro: Performance „Fenómeno“ de Bárbara Foulkes

Quarta-feira, dia 23 de março de 2016, 20hrs


Bárbara Foulkes: Fenómeno


Salão etapa futuro

Salão #5 arte ou desastre convida artistas e outros profissionais a se dedicarem ao salão etapa futuro escolhendo cada um seu meio específico. Salão = música. Palco. Texto. Escritório. Movimento. Teatro radiofónico. Encontro. Bar. Palestra. Imagem&Som. dj. Diálogos. E mais. Ordenado, poético, caótico, privado e público. Cada salão lança um tema, um mote, uma atmosfera – ao que se reage livremente – ou não... where are we now? com Átrio – Corbinian Böhm & Michael Gruber, Katrin Lange Casa da Literatura de Munique, Katrin Petroschkat, bolseiros da Villa Waldberta, Liana Langa de Riga por skype e Arte ou Desastre – Augusta & Kalle Laar.


Bárbara Foulkes: „Fenómeno“

O melhor das situações impossíveis é que existe um exato ponto no espaço no qual elas podem passar a ser possíveis, só terá que se descobrir qual: a bolseira Bárbara Foulkes de Buenos Aires se tem ocupado dentro da residênciaPLUSbrasil16 com estas questões à volta do „turning point“ do impossível para o possível: como se constrói uma imagem de força? Como questionar o que imaginamos ser possível ou impossível e construimos relações entre força, peso, estabilidade, poder e equilíbrio? Quem ou o que pesa mais, quem ou o que é mais forte e como se constituem estes valores? O resultado de sua análise será apresentado no contexto do salão etapa futuro de Kalle e Augusta Laars no Schwere Reiter.

 

Protagonistas estáveis:

Um corpo, uma cadeira, um escadote, uma corda, um balão, dois pauzinhos, uma agulha, um pequena embalagem de sabonete, uma vassoura, um cinto e dois mosquetões.

 

Bárbara Foulkes, coreógrafa e dançarina argentina estudou na Universidad Nacional de las Artes em Buenos Aires e vive desde 2009 no México. Ela trabalha solo e em coletivos, como dançarina, coreógrafa, produtora e pedagoga. Suas obras mais notáveis são “Flota”, “Sin Casa” e “9.8”. De momento faz parte do coletivo A.M., dentro do qual escreveu “Roadbook Recetario Coreográfico” e desenvolveu as peças “Mexican Dance” e “Arrecife” (uma encomenda do Museo Universitario de Arte Contemporáneo, Mexico City) assim como “Proyecto Pulpo”. Também trabalha para a firma brasileira Suspensa e para o coletivo moviSUR. www.barbarafoulkes.com

 

"Re-existir"

Uma improvisação de dança, música e arte visual: movimentos de defesa, uma voz que grita e ecoa, um corpo pixando encenam o conflito dos códigos, um lugar que não é meu nem seu.

 

Dandara Modesto (voz), Danilo Oliveira (pixo) e Mario Lopes (movimento), São Paulo/Brasil

 

Schwere Reiter, Dachauerstr. 114, München

12 € / reduz. 8 €

 

Sempre atualizado: www.facebook.com/PLUSbrasil

 

Um evento da plataforma PLUSbrasil, organizado pela HumaVida e Lusofonia e.V. com o apoio da casa de artistas Villa Waldberta, do departamento cultural da cidade de Munique, do Instituto Goethe e Iberescena.

 

vwb     goe   ib