portuguêsdeutsch

Leitura com José Eduardo Agualusa

Terça-feira, 16 de outubro de 2018, 19:30 horas




Nas vésperas da revolução angolana os antigos colonizadores fogem em pânico. Ludovica, uma portuguesa muito tímida, fica esquecida. Não se atrevendo a sair de casa, acaba por entaipar a porta do apartamento e resolve instalar-se como Robinson Crusoe naquela espécie de ilha: é o ultimo andar dum prédio fino de Luanda que irá transformar-se ao longo da guerra civil em abrigo de pobres e refugiados. Lá de cima Ludovica verá o crescimento desenfreado da cidade, porém sem dar muito conta das grandes transformações da sociedade. Contudo, através de uma cadeia de acasos, ela irá influenciar vidas alheias. Na sua solidão Ludovica vai escrevendo a sua história nas paredes do apartamento, assim como o próprio romance resgata múltiplas histórias de um tempo angolano contra a teoria geral do esquecimento.

 

Com grande empatia pelos seus protagonistas e uma leveza cheia de humor, o autor aborda temas pesados como guerra e violência, corrupção e cobiça, medo e ódio.

 

José Eduardo Agualusa nasceu 1960 no Huambo/Angola e estudou agronomia e silvicultura em Lisboa. Tem publicado poemas, contos e romances, traduzidos para várias línguas. O romance Teoria Geral do Esquecimento entrou na Shortlist do Man Booker International Prize 2016. Vive como escritor e jornalista agora em Moçambique.

 

Michael Kegler recebeu em 2014 o Prémio de tradução Straelener e junto com Luiz Ruffato, em 2016 o prémio internacional Hermann Hesse. Traduziu os últimos três romances de Agualusa.

 

Entrada livre

Reservas: Tel. 089/23382450 ou através de email

 

Münchner Stadtbibliothek Neuhausen

Nymphenburgerstr. 171a

www.muenchner-stadtbibliothek.de

 

Um evento da Münchner Stadtbibliothek com o apoio de LUSOFONIA e.V. e da editora C.H. Beck.

Logo_Stadtbibliothek-Muenchen  Logo_CHBeck