portuguêsdeutsch

Homenagem a Clarice Lispector (1920-1977)

Sábado, 09 de dezembro de 2017, às 19 horas


© Paulo Gurgel Valente


Clarice Lispector (1920–1977) é uma das vozes femininas mais importantes da literatura brasileira do século 20 e ocupa até hoje uma posição de alto prestígio. Para lembrar os 40 anos sobre a sua morte iremos ler trechos da sua obra, em português e alemão, e teremos um bate-papo com Luis Ruby e Konstantin Lannert.

 

Nascida na Ucrânia, Clarice Lispector (1920–1977) fugiu com a sua família a perseguições. Cresceu no Recife até mudar para o Rio de Janeiro onde estudou direito e começou a trabalhar como jornalista. Com 23 anos publicou o primeiro romance Perto do coração selvagem. Do casamento com um diplomata teve dois filhos e viveu até 1959 fora do Brasil. Já separada do marido, regressou ao Rio de Janeiro e trabalhou como tradutora e jornalista. Clarice Lispector escreveu romances, contos, livros infantis e e recebeu vários prêmios. Foram as suas colunas literárias e pequenas histórias que a tornaram conhecida junto ao grande público. Na véspera de fazer 57 anos faleceu cancerosa. No Brasil Clarice ocupa até hoje um lugar de prestígio e tem influenciado várias gerações de artistas.

 

Luis Ruby traduz do espanhol, do italiano, do português e do inglês e trabalha como docente de cursos de tradução literária na universidade de Munique. Em 2013 a editora Schöffling publicou como primeira edição alemã a sua tradução de O lustre, e, em 2016, uma nova tradução de A hora da estrela.

 

Konstantin Lannert organiza exposições e trabalha no museu da cidade de Munique. Ele foi curador de „BIER.MACHT.MÜNCHEN“, „Menthaphysica“, „Stonewashed Vol.ONE“ e „Frucht & Faulheit“, uma exposição de arte contemporânea brasileira. Atualmente trabalha num projeto que será apresentado em São Paulo em abril de 2018.

 

Moderação: Luísa Costa Hölzl

 

Entrada livre

 

Rroom

Lothringer 13

Lothringer Str. 13

81667 München

www.lothringer13.de

 

Um evento da LUSOFONIA e.V. com o apoio do Departamento Cultural da Cidade de Munique

LH München Kulturreferat